Com a recente aprovação da Farm Bill nos Estados Unidos, que passou a autorizar a produção e pesquisa de cânhamo industrial em todo território nacional, a legalização do mercado de canabidiol (CBD), composto da planta conhecido por suas propriedades terapêuticas que pode ser extraído do cânhamo, pode chegar a valer mais de US$ 20 bilhões até 2022 no país, de acordo com uma pesquisa da Brightfield Group divulgada pelo Bloomberg.

O boom do CBD já mostrou reflexos na Califórnia, onde o número de consumidores quase dobrou em um ano – de 2,6% em 2017 para 4,8% em 2018, de acordo com dados da empresa Eaze. Os Baby Boomes, segundo o levantamento, são mais favoráveis aos produtos com CBD (8,4%), sendo que mulheres desta geração são ainda mais propensas ao consumo do canabinoide para aliviar dores, ansiedade e ter uma boa noite de sono.

Há uma variedade incrível de produtos com CBD já disponíveis no mercado canábico dos Estados Unidos, que variam de cafés com infusão a óleos de massagem, de sais de banho a cookies (para humanos e cães). Veja alguns exemplos a seguir:

Para cólicas

O CBD oferece alivio da dor e da inflamação e relaxamento muscular – tudo que uma mulher que sofre com os sintomas da TPM pode querer. Os supositórios vaginais da Foria, por exemplo, contêm 100mg de CBD ativo por cápsula e são produzidos com ingredientes orgânicos, sem solventes, pesticidas, metais pesados ou aditivos.

Para a larica

Não faltam opções de comestíveis com infusão de canabidiol. Vegana, orgânica e com infusão de óleo de CBD, a barra de chocolates com infusão da Lulu’s Chocolate Love, por exemplo, é feita 78% de cacau do Equador, 80 mg de óleo complexo de CBD e adoçada com açúcar de coco.

Para os pets

Você sabia que pets também podem se beneficiar das propriedades do CBD? Pensando nisso, empresas como a Irie desenvolvem produtos próprios para cães e gatos, como uma tintura sublingual de óleo de CBD para cachorros que oferece vitaminas e ômega-3 aos peludos.

Saiba mais em:

NY Times

Daily Mail

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.