Conforme a regulamentação do mercado de cannabis avança em estados que legalizaram o uso adulto da erva, empresas devem acompanhar e adaptar seus produtos às mais variadas regras, que controlam desde a produção até a embalagem dos produtos que contêm a planta.

Com o intuito de oferecer as melhores práticas para cultivadores, processadores e varejistas que buscam alcançar auto-suficiência na criação de etiquetas de produtos de cannabis sob demanda, a Epson desenvolveu em parceria com a Teklynx um guia prático para rótulos e embalagens para produtos canábicos.

“Nos Estados Unidos, os regulamentos de embalagem e rótulo variam significativamente entre os estados”, afirma o documento, que traz conhecimento sobre quais informações e selos precisam ser inseridos nos rótulos, como seguir as regras de compliance referentes a diversos tipos de produtos e, claro, como utilizar as impressoras da marca para realizar esse tipo de trabalho.

Entre as recomendações do guia, há a exigência de um box em todos rótulos de produtos de cannabis que incluam o percentual de THC efetivo e todos os outros canabinoides comercializados por peso. Dados sobre a empresa, número de licença, lote, lista de ingredientes, informações nutricionais e mensagem de aviso são outras informações que devem fazer parte de rótulos de produtos canábicos, conforme a ilustração do guia abaixo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.