O livro ”Diário de uma Mãeconheira” reúne uma coletânea de textos, desabafos e experiências canábicas da escritora, mãe e ativista Maíra Castanheiro.

Sobre a mãeconheira

Desde 2015, Maíra divide com os internautas seu dia-a-dia como mãe da Mariaalice, professora, historiadora, pesquisadora, tradutora, mestranda e, entre uma tarefa e outra, ainda dá uma paradinha para fumar um e relaxar. Em especial, sua escrita fala sobre a mulher que, além de suas responsabilidades, também vive intensamente e da forma mais honesta possível as suas paixões, desafios, desafetos, sonhos, loucuras e sua sexualidade.

Quebrando preconceitos 

Para ”Diário de uma Mãeconheira”, foram selecionados os melhores textos de Maíra dos últimos 5 anos, que tratam de temas ainda considerados tabus pela sociedade. 

”Eles contam a história de uma mulher, de uma mãe, que decide viver só e precisa enfrentar todo o sistema capitalista e, claro, o machismo. O diário é um espaço de desabafo, uma ferramenta para nossa emancipação, para nossa autonomia e autoconhecimento”, explica Maíra. 

As crônicas de Maíra falam abertamente sobre sexo e drogas, sem medo de julgamentos sobre suas opiniões. ”Dificilmente uma mulher mãe que fala abertamente sobre sexo e drogas é aceita, a maioria sofre preconceito e discriminação, é vista como incapaz ou indigna de ser mãe. Então, espero que o livro possa contribuir para este debate: que uma mulher mãe também pode falar sobre esses assuntos, que ela também trepa e usa drogas. E que isso não a faz menos mãe“, pontua.

Mais do que um livro no qual divide com o leitor suas histórias, Maíra espera que O Diário de Uma Mãeconheira, possa quebrar preconceitos e somar aos debates, principalmente para as discussões feministas antiproibicionistas. 

Financiamento coletivo

O livro será lançado pela editora Moluscomix, via campanha no Catarse, uma plataforma de financiamento coletivo onde será feita a pré-venda de O Diário de Uma Mãeconheira. Quem apoiar durante a campanha vai ter 20% de desconto e pagará R$ 64,00 pelo livro. Depois da campanha o livro vai passar a ser vendido por R$ 80,00. A campanha trará mais benefícios para quem adquirir também outros livro do catálogo, como o Moluscontos, além de preços especiais e mimos como adesivos e marcadores de páginas. 

A campanha do Catarse para O Diário de Uma Mãeconheira vai só até dia 10 de abril. Então corre lá e contribua para esse projeto lindo de ativismo, maternidade, cannabis e protagonismo feminino!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.