Para algumas mulheres, o período menstrual pode ser um grande pesadelo, graças a elas: as cólicas menstruais. Só quem já teve sabe o quanto essa complicação dói, não sendo raras as vezes em que deixam as mulheres incapacitadas de levar seu dia normalmente. Em casos extremos, algumas mulheres recorrem até a internação hospitalar, para aliviar as dores causadas pela descamação endometrial. 

Justo por isso, pensando nas dores e desconfortos das mulheres nesse período, que a Foria Wellness criou absorventes vaginais infundidos com solução canábica.

À base de THC, o principal composto psicoativo da maconha, o produto que também é chamado de supositório vaginal promete alívio quase imediato, com diminuição das dores após 15 a 20 minutos de uso.

Segundo a fabricante norte-americana, a fórmula foi planejada para aliviar o desconforto menstrual e proporcionar os benefícios calmantes da cannabis, diretamente no local da dor. Sem nenhum efeito psicoativo, o produto ativa alguns receptores canabinóides na região pélvica, e atua diretamente no sistema imunológico e nas terminações nervosas do útero, do colo do útero, ovários e tecidos musculares para aliviar a dor, conforme descrito no site da empresa.

Reprodução: Foria

No portal da Foria, alguns comentários revelam a eficácia do produto, descrito com aroma de chocolate. “Extremamente fácil de inserir, usei um aplicador de absorvente interno. O supositório é pequeno e cheira a massa de biscoito e manteiga de cacau. Depois de 20 minutos comecei a sentir uma sensação de alívio. Foi muito agradável e relaxante. Ele também alivia a pressão na parte inferior das costas“, disse uma mulher no site da empresa.

Outro comentário, relata melhora na performance sexual: “O sexo foi tão doloroso para mim que interrompemos a penetração vaginal por mais de um ano. Usei supositórios Foria CBD por seis noites consecutivas como preparação e, em seguida, usei um lubrificante na noite da penetração. Foi 90% sem dor! Que descoberta!“, revela a usuária denominada Lois.

A descoberta milagrosa é comercializada via e-commerce, e pode ser comprada no site da Foria, que oferece uma caixa com 4 supositórios vaginais a cerca de R$ 145. No Brasil, a canabidiol (CBD) foi reclassificada pela ANVISA, em janeiro de 2019, e passa a permitir que empresas farmacêuticas registrem e comercializem medicamentos derivados da CBD.

A marca também conta com uma linha de lubrificantes íntimos, sais de banho, cápsulas e óleos à base de CBD, para momentos de intimidade, oferecendo alívio natural e bem estar à natureza feminina. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.