Viajar para lugares ”legalize” ou que possuem uma tradição histórica com a maconha não é algo novo, mas esse tipo de turismo vem se consolidando cada vez mais.

(Imagem: reprodução Ticket Snipers)

Com a pandemia, muitos destinos turísticos ficaram sem receber visitantes. 

Agora, com menores restrições, países e cidades que costumavam receber turistas o ano todo, estão buscando maneiras de atrair pessoas e recuperar o prejuízo da pandemia. 

Nesse cenário, existem vários destinos que possuem algo a mais para atrair turistas: a maconha. 

Com um maior número de locais legalizando a erva, esses destinos acabam se tornando a escolha dos canabistas.

Não dá para negar que um lugar ”legalize” é uma opção muito mais conveniente para quem consome maconha, já que você pode fumar um baseado sem muitas preocupações durante suas férias. 

Sem contar que você não precisa se preocupar em levar a maconha e passar por perrengues no aeroporto, por exemplo, já que o destino tem um acesso fácil à cannabis. 

E o que se observa é que existem locais que não possuem uma legislação para o uso recreativo, mas realizam algum tipo de turismo canábico para atrair turistas.

Preferência dos turistas

Durante a pandemia, um relatório descobriu que quase 30% dos adultos em férias em todo o mundo optam por atividades canábicas durante seu tempo de descanso em viagens. 

Os números do relatório mostram que essa porcentagem aumenta ainda mais entre os ”millenials”, que é um grupo demográfico que costuma fazer mais viagens de lazer.

Portanto, o turismo canábico pode ser uma boa forma de atrair visitantes nesse pós-pandemia. 

A indústria de viagens foi bastante prejudicada durante esse período pandêmico, enquanto a indústria canábica – e a legalização – cresceram. Assim, a indústria de viagens tem tudo para se beneficiar do turismo canábico. 

Alguns destinos que favorecem a busca por viagens legalizadas são: 

  • Amsterdam
  • Barcelona (apesar de alguns clubes sociais de cannabis da Espanha só venderem maconha para residentes ou sócios, em Barcelona é fácil encontrar clubes que vendem para turistas)
  • Ainda na Europa, Malta legalizou o uso recreativo. Mas vários países vendem diversos produtos com baixa concentração de THC legalmente para turistas
  • Uruguai (segundo a lei, turistas não podem comprar maconha, apenas residentes, mas também é bastante fácil conseguir maconha em alguns locais da cidade. E você não corre o risco de preso por fumar um baseado no país)
  • No México, a legalização do uso adulto parece estar próxima. Mas com a recente legalização do uso medicinal, já existem spas com tratamentos canábicos, por exemplo
  • O mesmo acontece na Tailândia, onde existem resorts de luxo com tratamentos de spa canábicos (apenas o CBD e o cânhamo são permitidos) e até mesmo restaurantes com pratos infundidos com a planta (mas sem THC)
  • Vários estados norte-americanos legalizaram a cannabis para uso adulto. A Califórnia é líder no turismo de maconha no país e continua a se reinventar para manter seu status de paraíso da maconha nos Estados Unidos

Como mencionado, o turismo da maconha provou ser tão lucrativo que algumas empresas já estão estabelecendo raízes em alguns locais que ainda nem legalizaram a maconha recreativa. 

No Marrocos, por exemplo, onde existe uma longa tradição de produção de haxixe, é possível visitar campos de plantação de maconha como um programa turístico, mesmo com a erva ilegal. 

“Na Flórida, que atualmente só permite o uso de maconha medicinal, a empresa de cannabis Trulieve já abriu dispensários com duas a três vezes o tamanho típico perto das principais atrações turísticas”, segundo o The New York Times.

E esse parece ser o futuro. Com mais estados e países caminhando para a legalização, provavelmente haverá um grande crescimento do turismo canábico. 

O que antes era associado a coffeeshops holandeses, agora está se tornando uma indústria global. Já existe, inclusive, um ”AirBnb da maconha”, focado em experiências turísticas e hospedagens 100% weed friendly.

(Imagem: reprodução Big Buds Mag)

O app Who is Happy está preparado para essa onda de turismo canábico. 

Com nosso check in, você pode conhecer lugares onde as pessoas já legalizaram pelo mundo. Através da fumacinha verde no mapa, veja os locais onde a galera já queimou um. 

Ah! E se for para algum país ou cidade e quer se conectar com os canabistas do lugar, é só conversar pelo chat do Who is Happy. 

Baixe o app e encontre [email protected] pela cannabis pelo mundo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.