O Canabidiol Active Pharmaceutical, produzido no Canadá, é o 15º produto medicinal à base de cannabis com comercialização aprovada no país.

CBD

A Anvisa aprovou nesta segunda-feira (25) mais um produto medicinal à base de cannabis no Brasil, o Canabidiol Active Pharmaceutical. Esse é o 15º com comercialização aprovada no país.

O produto deve conter 20 mg/ml de canabidiol (CBD) e até 0,2% de tetrahidrocanabinol (THC). A Anvisa afirmou que ele será produzido no Canadá e comercializado no Brasil, mas só poderá comprar quem tiver prescrição médica com receitas do tipo B, com a cor azul.

Dos 15 produtos aprovados pela Agência, 10 são à base de CBD e 5 são à base de extratos da Cannabis Sativa L.

Além do Canabidiol Active Pharmaceutical, conheça os outros 14 produtos já aprovados:

  1. Canabidiol Prati-Donaduzzi (20 mg/mL; 50 mg/mL e 200 mg/mL)
  2. Canabidiol NuNature (17,18 mg/mL)
  3. Canabidiol NuNature (34,36 mg/mL
  4. Canabidiol Farmanguinhos (200 mg/mL)
  5. Canabidiol Verdemed (50 mg/mL)
  6. Extrato de Cannabis sativa Promediol (200 mg/mL)
  7. Extrato de Cannabis sativa Zion Medpharma (200 mg/mL)
  8. Canabidiol Verdemed (23,75 mg/mL)
  9. Extrato de Cannabis sativa Alafiamed (200 mg/mL)
  10. Extrato de Cannabis sativa Greencare (79,14 mg/mL)
  11. Extrato de Cannabis sativa Ease Labs (79,14 mg/mL)
  12. Canabidiol Belcher (150 mg/mL)
  13. Canabidiol Aura Pharma (50 mg/mL)
  14. Canabidiol Greencare (23,75 mg/mL)

Além destes produtos, existe apenas um medicamento à base de maconha aprovado pela Anvisa, o Mevatyl.

O Mevatyl foi aprovado em 2017 e é produzido pela farmacêutica britânica GW Pharma. Esse medicamento possui em sua composição THC e CBD e é indicado para o tratamento de espasticidade moderada a grave relacionada à esclerose múltipla.

Por ter concentração de THC superior a 0,2%, o Mevatyl só pode ser prescrito para pacientes adultos não responsivos a outros medicamentos. Além disso, é necessário receituário do tipo A, com validade de 30 dias, fornecido pela Vigilância Sanitária local, padrão semelhante ao da morfina, por exemplo.

Fonte: Valor e Poder360

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.