Muitas pesquisas mostram os benefícios terapêuticos da maconha para diferentes tipos de dores.

medical cannabis

Nos locais onde o uso medicinal da cannabis já é legalizado, a dor é a principal condição de saúde em que os médicos prescrevem a planta.

Desde dores crônicas até dores provenientes da artrite, artrose e outras doenças, podem ser tratadas de forma eficaz com a cannabis.

Tanto o THC quanto o CBD, os canabinóides mais abundantes da planta, já se mostraram benéficos para diminuir a dor, como comprovam vários estudos.

Esses compostos, entretanto, diferem em quais receptores do sistema endocanabinóide eles se ligam para produzir os efeitos de redução da dor.

O THC se liga aos receptores canabinóides que estão localizados em todo o sistema nervoso central, produzindo uma variedade de respostas.

Seus efeitos mais conhecidos são os psicoativos, mas esse fitocanabinóide reduz a inflamação de maneira semelhante a medicamentos anti-inflamatórios, como o ibuprofeno.

Em contraste, o CBD parece se ligar a vários receptores distintos, e muitos desses receptores podem desempenhar um papel na redução da dor.

A diferença mais notável do CBD em relação ao THC é que o canabidiol não tem os efeitos entorpecentes do THC.

Como esses canabinóides têm como alvo diferentes receptores, o THC e o CBD podem ser mais eficazes trabalhando em conjunto do que sozinhos, isso também se explica pelo efeito entourage (ou comitiva).

CBD e THC para dor

A coisa mais importante a considerar quando se trata de CBD e dor é que nem todas as formas de CBD são iguais e nem todas as formas de dor são iguais.

Alguns produtos de CBD podem ser bons para alguns tipos de dor, mas não existe uma solução única.

No nível celular, o CBD é anti-inflamatório, semelhante à maneira como os AINEs (Anti-inflamatórios Não Esteroides, medicamentos analgésicos simples) funcionam.

E sabe-se que a maioria das dores são provenientes de inflamações.

Pesquisas de pacientes sugerem que muitas pessoas consideram o CBD útil para dor crônica (que pode aparecer decorrente de outras condições de saúde, como fibromialgia, artrite, artrose, disfunção da articulação temporomandibular (ATM), do câncer, entre muitas outras).

Também já existem pesquisas mostrando que o THC, quando ativa os receptores das células nervosas, reduz a sensação de dor, já que o tetrahidrocanabinol possui propriedades analgésicas.

Alternativa natural

Uma razão comum pela qual as pessoas procuram a cannabis é substituir outros medicamentos.

Opióides e benzodiazepínicos são comumente prescritos para pessoas com dor crônica.

No entanto, esses medicamentos têm vários efeitos colaterais indesejados e perigosos. Muitos pacientes que começam a usar cannabis conseguem parar de usar esses medicamentos convencionais ou reduzir substancialmente suas doses.

Até as leis recreativas de cannabis têm sido associadas a menores prescrições e overdoses de opióides. Isso sugere que muitas pessoas encontram uma maneira segura de controlar sua dor com cannabis.

É importante notar que a quantidade de cannabis necessária para aliviar a dor pode depender de muitos fatores, como:

  • A química do seu corpo
  • Seus genes
  • Estilo de vida
  • Com que frequência você usa cannabis (sua tolerância)
  • E, mais importante, qual método você usa para consumir cannabis

Alguns outros fatores em relação ao uso medicinal da cannabis para aliviar a dor são:

  • A maioria dos pacientes com dor prefere variedades com alto teor de CBD ou uma proporção equilibrada de THC:CBD, que eles podem agir melhor em conjunto e o CBD pode reduzir alguns efeitos colaterais do THC.
  • O THC é o principal componente analgésico da cannabis, mas altas concentrações podem causar efeitos colaterais desagradáveis e seu uso não é indicado para todos os pacientes.
  • Outros compostos de cannabis, como terpenos (óleos essenciais) podem ajudar a aliviar a dor, mas são necessárias mais pesquisas antes de ser prescrito um terpeno para alívio da dor.

O ideal, sempre, é realizar a consulta com um médico para que ele possa receitar o tratamento adequado com cannabis para sua condição de saúde.

Comece hoje seu tratamento medicinal legalizado com cannabis com a Clínica Who is Happy.

Fontes: GoodRx; The Conversation

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.